sexta-feira, 19 de julho de 2013

A infâmia não há de prevalecer!

A votação para Conselheiro de Tribunal de Contas do Estado – TCE, foi eivada de erros intencionais e planejados, tudo consumado em imoral e aética votação secreta. Enquanto candidato, obtive zero voto. Em verdade, sempre fui um anticandidato. Em 5 minutos de tribuna disse para aquelas “Excelências” algo que há muito desejava dizer. Sem a candidatura jamais poderia tê-lo feito. Causei tanto desconforto que fui o único candidato contraditado pelo presidente Rossoni quando esse saiu em defesa da casa. Lavei a alma (vide vídeo). Quanto à não ter sido votado não me frustra, pois nenhum voto esperava considerando minhas posições e minha fala. De nenhum deputado sou predileto, escolhido, compadre, companheiro ou comparsa, nem fiz acordos. Continuo, pois, a ser um homem honrado. 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grato por visitar este Blog. Críticas, elogios e quaisquer comentários são desejados, desde que feitos em terminologia ética e adequada.

Por favor DEIXE alguma forma de CONTATO para possibilitar resposta ou utilize a função abaixo "INSCREVER-SE POR E-MAIL".