quinta-feira, 28 de outubro de 2010

E-MAIL FALSO QUE ESTÁ CIRCULANDO

Está circulando um e-mail falso que atribui à Marina posicionamento contra Dilma.

Isto é mais um exemplo do nível baixíssimo a que está sendo levada essa campanha de segundo turno, pelos que nele restaram.

O melhor seria que esses dois candidatos que se esmeram em nos parecer o que não são, ou ao menos seus comandos de campanha, ou ainda, os seus maus proselitistas, esquecessem que Marina existe.

A reportagem abaixo é de 27 de agosto de 2010, portanto, de primeiro turno. Usa-se o dia 26 sem mencionar o mês para passar a falsa idéia de que Marina teria dito isso antes de ontem (26/10/10), em segundo turno, do qual está fora. Portanto, é uma montagem e falso.

Ora, é apenas mais uma falsidade das dezenas que diariamente recebo, com intuito de detratar esse ou aquele, ou aquela. A posição da Marina está na carta aberta que fez a Serra e Dilma, que é um tributo à Nação que todos deveriam ler (veja aqui).

Marina está fora e acima desse processo repugnante em que o argumento de um é menoscabar o outro, não se discutindo o Brasil sustentável do século XXI.

Quem perdeu essa eleição com quase 20.000.000 de votos, insuficientes pra colocá-la em segundo turno, o qual certamente venceria, não foi Marina. Perdeu o Brasil, que agora fica entre a horrível volta ao passado ou a horrenda continuidade do presente.

Já não temos mais escolha, só nos resta a opção pelo menos ruim. Pelo que eu vejo no presente e sei do passado é que me posicionei pela neutralidade ao lado de Marina Silva e eqüidistante dos outros dois lutadores de vale tudo...

------------------------------------------------------------------------

MARINA SE POSICIONA...

REPASSAR URGENTE PARA TODOS OS SEUS CONTATOS...

ATÉ QUE ENFIM !!!!! DIVULGUEM!!!

Marina se posiciona: Brasil não pode ser entregue a quem não conhece.

Em campanha no Sul do País, a candidata Marina Silva, do PV, fez críticas em relação ao desconhecimento geral sobre a biografia da candidata do PT, Dilma Rousseff. Em café da manhã em Curitiba nesta quinta-feira, 26, com lideranças do PV paranaense, Marina pediu ao povo brasileiro que “pense duas vezes” antes de fazer suas escolhas.

“Que o povo brasileiro pense duas vezes antes de entregar o futuro do Brasil para quem não conhecemos direito”, disse ela.

Marina fez uma comparação entre algumas figuras da política nacional para questionar a experiência de Dilma. “Nós conhecemos o presidente Lula, a gente conhecia o Fernando Henrique Cardoso, a gente conhece o Serra, eu discordo dele, mas conheço. O povo pode até discordar de mim, mas me conhece. Eu estou aí há 16 anos na política nacional”, afirmou Marina.

E em seguida concluiu: “Mas, com todo respeito à ministra Dilma, nós não conhecemos ela nesse lugar de eleita. Conhecemos como ministra de Minas e Energia, da Casa Civil e até respeitamos o trabalho dela, mas daí a ser presidente da República?”.

Ainda na mesma linha, a candidata do PV ironizou, sem citar nomes, a indicação que Lula vem fazendo em favor de Dilma. “Quem aqui que se casa só por que chega alguém e diz: casa com esse moço, é uma maravilha de moço? Não, a gente quer conhecer a pessoa primeiro, não é isso?”

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

SEGUNDO TURNO PRESIDENCIAL

Ontem, em reunião de candidatos e lideranças nacionais, o Partido Verde, por ampla maioria (apenas 4 votos divergentes), declarou a sua independência partidária, concedendo liberdade de apoiamentos pessoais às lideranças, candidatos e filiados, em face do segundo turno presidencial em curso nestas eleições.

Em memorável discurso, na forma de carta aberta à nação e dirigida aos dois protagonistas do segundo turno, a candidata do PV, Marina Silva, justificou e declarou sua neutralidade. Pela importância histórica e pelo elevado conteúdo conceitual desse documento, recomendo sua leitura a todos.

Assim, eu, Rubens Hering, enquanto filiado ao PV do Paraná, Ouvidor e ex-candidato ao Senado – 430, com mais de 178.000 votos, estou legitimado pelo meu Partido a declarar que: Dado o distanciamento das duas candidaturas, de Serra e Dilma, em relação às minhas convicções pessoais, enquanto ser político, sigo Marina, mantendo-me neutro no processo.

Contudo, isso não significa recomendar o voto nulo, branco ou mesmo a abstenção. Pelo contrário, não obstante a neutralidade do político, a democracia exige de todos, enquanto eleitores, que comparemos as opções e segundo nossa consciência escolhamos o melhor para o país, respeitada a diversidade opiniões.

Encerro, assim, por este último ato, minha participação nas eleições de 2010. Mais uma vez fica o muito obrigado aos que me apoiaram e honraram com seu voto.

Viva o Partido Verde 43. Viva a Democracia.

Vejam no link abaixo a integra da carta de Marina Silva dirigida aos dois candidatos do segundo turno:

http://www.minhamarina.org.br/blog/wp-content/uploads/2010/10/CARTA-ABERTA-MARINA-A-DILMA-E-SERRA1.pdf

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

CARTA DE AGRADECIMENTO

Prezados eleitores,

Findas as eleições de 2010, em face dos resultados obtidos, temos um balanço a fazer.

No cumprimento da missão, ao longo do processo tivemos acertos e erros. Mas, fomos vitoriosos. Ampliamos resultados em votos e a representação partidária proporcional. O Partido Verde cresceu e crescemos juntos. Portanto, acertamos muito mais.

Obtive a expressiva votação de 178.029 votos. Como candidato de poucos recursos e campanha austera não pude encontrar a todos pessoalmente e ainda menos pela propaganda rarefeita, mas, sei dos muitos que me encontraram.

Quero agora expressar minha gratidão pelos votos e apoios que tive.

Finalmente, agradeço à inspiradora de minha candidatura, Marina Silva, pelo encorajamento e motivação com o que nunca nos faltou. Foi ela, desta feita, a nossa exitosa candidata à Presidência da República. Tomara que ela o seja novamente em uma outra e próxima jornada vencedora.

Meu muito obrigado, um forte abraço e que Deus abençoe a todos.

CONTINUAÇÃO

Apenas para comunicar que a idéia não é abandonar meu blog e o Twitter, estou apenas resolvendo algumas questões e logo volto a postar, inclusive um vídeo de agradecimento aos meus eleitores.

Até logo.

domingo, 3 de outubro de 2010

O QUE UM SENADOR FAZ?

Tenho recebido alguns comentários em relação a minha ausência de propostas para alguns pontos, infelizmente sem e-mail para eu poder responder e explicar.

Quero apenas esclarecer que me candidatei ao Senado, ou seja, Poder Legislativo. Por questão ética e coerência não faço promessas daquilo que não poderei fazer se eleito for, ou seja, funções do Poder Executivo (governador, presidente e daqui 2 anos prefeito - art. 84 da Constituição Federal).

Caro eleitor, esteja alerta se o seu candidato promete aquilo que não poderá fazer se eleito como Senador. Tenha um voto consciente e pesquise o que um Senador faz (arts. 48, 49, 50 e 52 da Constituição Federal).